Um médico espanhol percorreu 17 quilómetros a pé, no meio da neve de Madrid, Espanha, para conseguir chegar a tempo ao hospital onde exerce, de forma a ajudar os colegas no combate à Covid-19.

A capital espanhola foi assolada no fim de semana pelo maior nevão dos últimos 50 anos, o que causou um caos em toda a cidade.

Com os transportes parados e o trânsito caótico, sem andar sequer, Álvaro Sanchez percebeu rapidamente que chegaria mais rápido ao hospital a pé - mesmo tendo demorado 1h45 minutos.

O seu feito está a ser aplaudido em toda a Espanha e até já mereceu o reconhecimento do ministro da Saúde, Salvador Illa Roca: "Todo o meu reconhecimento a este jovem MIR (Médico Interno Residente) que percorreu 17 km na neve para fazer o turno no Hospital Puerta de Hierro. O compromisso que demonstra todo o conjunto de trabalhadores da saúde é um exemplo de solidariedade e entrega."

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.